Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/3168
Document Type: Dissertação
Title: Corpo e máquina : estudo etnográfico em uma clínica de hemodiálise
Authors: Santos, Viviane Fernandes Conceição dos
Issue Date: 21-Mar-2012
Advisor: Santos, Eufrazia Cristina Menezes
Resumo : Esta dissertação de mestrado é um estudo etnográfico realizado na Clínica de Nefrologia de Sergipe junto a quinze pessoas que realizam Terapia Renal Substitutiva do tipo hemodiálise. Apresenta-se uma abordagem antropológica do tema, focalizando as experiências particulares e coletivas dos sujeitos no cotidiano da clínica. A partir da perspectiva fenomenológica, focalizei os aspectos subjetivos presentes nas relações estabelecidas durante o tratamento. Analiso também suas expectativas em relação à possibilidade de transplantes tomando como pano de fundo dessa discussão o quadro atual de doações e transplantes em Sergipe. Perscrutei as dificuldades típicas desta condição liminar que os coloca entre o corpo e a máquina, a vida e a morte. A perspectiva da corporeidade permitiu a identificação e compreensão das dimensões da experiência da hemodiálise com seus múltiplos sentidos. A visão de mundo e o ethos das pessoas em tratamento podem contribuir para desvincular a hemodiálise do sentido de tragédia pessoal e incorporá-la como estilo de vida.
Abstract: This master s degree dissertation is an ethnographic study carried in the Clínica de Nefrologia de Sergipe with fifteen people that accomplish Renal Replacement Therapy type hemodialysis. It s presented an anthropological approach of the theme, focusing the experiences private and collective of those subjects in the clinic daily. Starting from the phenomenological perspective, the present subjective aspects in the established relationships during the treatment were discussed, as their expectations of the possibility of transplants, taking as backdrop the current donation and transplant framework in Sergipe State. Typical difficulties of this boundary condition that put them between body and machine, life and death were explored. The perspective of the corporeality has allowed the identification and understanding of hemodialysis experience dimensions in multiple senses. The world vision and the ethos of the people in treatment can contribute to divest hemodialysis of the sense of personal tragedy and incorporate it as a lifestyle.
Keywords: Antropologia
Hemodiálise - Pacientes
Terapêutica
Relações humanas
Corporeidade
Renal crônico
Percepção e experiência
Anthropology
Hemodialysis
Interpersonal relations
Therapeutics
Corporeality
Renal Chronic
Perception and Experience
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
Language: por
Program Affiliation: Pós-Graduação em Antropologia
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/3168
Appears in Collections:Mestrado em Antropologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VIVIANE_FERNANDES_CONCEICAO_SANTOS.pdf2,33 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.