Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/3955
Document Type: Dissertação
Title: Caracterização dos estilos de aprendizagem dos discentes do curso de farmácia de um centro universitário da região do agreste bahiano
Authors: Pacheco, Fabio Kovacevic
Issue Date: 29-Mar-2017
Advisor: Silva, Wellington Barros da
Resumo : Gradativamente a percepção de aspectos específicos da educação está sofrendo alterações, as necessidades profissionais evoluem constantemente e demandam uma formação profissional continuada. Espera-se que os novos profissionais, sejam formados na perspectiva de habilidades e competências que ultrapassem o limite técnico-científico, sendo capazes de criar, planejar, implementar e avaliar políticas e ações em saúde para a população e, concomitantemente, resolver problemas. Assim, novas formas de ensino vem sendo desenvolvidas na tentativa de abranger essas necessidades tanto do mercado de trabalho bem como dos profissionais em formação. Essas metodologias são as chamadas ativas, onde o aluno se torna o centro do processo de aprendizagem, não sendo mais o professor o único detentor do conhecimento, sendo aquele que meramente transmite o conhecimento acumulado. Nesta perspectiva, surgiu a necessidade de se compreender se a utilização dessas metodologias é capaz de desenvolver senso crítico nos alunos em formação, como o que se estabelece na literatura, a partir da análise dos seus estilos de aprendizagem ao longo do tempo de formação. Sendo assim, o objetivo do presente trabalho foi de Caracterizar os estilos de aprendizagem, a partir da aplicação do ILS, entre estudantes de graduação do curso de Ciências Farmacêuticas do Centro Universitário AGES (UniAGES), no Campus de Paripiranga/BA. Foi realizado um Estudo de Caso, descritivo com delineamento transversal e observacional. Foram avaliados os estilos de aprendizagem de 137 estudantes de diferentes períodos e diferentes turnos da referida IES e dados sociodemográficos e socioeducacionais. A partir do cálculo da média dos scores atingidos no ILS, obteve-se que o Estilo de Aprendizagem predominante era o Divergente (51,1%), seguido do Assimilador (34,3%). Entre os estudantes do sexo feminino também houve a predominância do Estilo Divergente (55,3%) e entre os estudantes do sexo masculino os Estilos Divergente (41,9%) e Assimilador (41,9%) foram responsáveis pelo enquadramento de estilos. O estilo divergente foi predominante na maioria das análises, onde levou-se em consideração período, turno e empregabilidade. Acredita-se que os resultados obtidos refletem o perfil dos estudantes da referida IES, que é privada e apresenta uma estruturação diferenciada de outras IES públicas.
Abstract: Gradually the perception of specific aspects of education is changing, the professional needs constantly evolve and demand a continuous professional formation. It is hoped that new professionals will be trained in the perspective of skills and competences that exceed the technical-scientific limit, being able to create, plan, implement and evaluate health policies and actions for the population and, at the same time, to solve problems. Thus, new forms of teaching have been developed in an attempt to address these needs both in the labor market as well as in the professionals „education. These methodologies are called Active methodologies, where the student becomes the center of the learning process, and the teacher is no longer the sole holder of knowledge, neither being the one who merely transmits the accumulated knowledge. In this perspective, the need arose to understand if the use of these methodologies is able to develop critical sense in the students in formation, such as what is established in the literature, from the analysis of their learning styles throughout the education time. Therefore, the objective of the present work was to characterize the learning styles, from the application of ILS, among undergraduate students of the Pharmaceutical Sciences course of the University Center AGES (UniAGES), in Paripiranga Campus / BA. A descriptive Case Study was conducted, with a cross - sectional and observational design. The learning styles of 137 students from different periods and different shifts of the mentioned institution and socio-demographic and socio-educational data were evaluated. From the calculation of the average scores obtained in the ILS, the predominant Learning Style was Divergent (51.1%), followed by Assimilator (34.3%). Among the female students, Divergent Style was also the predominant (55.3%), and among the male students the Divergent Styles (41.9%) and Assimilator Styles (41.9%) was responsible for the framing of styles among male students. The divergent style was predominant in most analyzes, where period, shift and employability were taken into account. It is believed that the results obtained reflect the profile of the students of the referred institution, which is private and presents a differentiated structuring of other public institutions as well.
Keywords: Farmácia
Farmacêuticos
Aprendizagem
Ensino de farmácia
Formação profissional
Metodologia
ILS
Metodologias ativas
Estilos de aprendizagem
Active methodologies
Learning styles
Subject CNPQ: CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
Citation: PACHECO, Fabio Kovacevic. Caracterização dos estilos de aprendizagem dos discentes do curso de farmácia de um centro universitário da região do agreste bahiano. 2017. 64 f. Dissertação (Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2017.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/3955
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FABIO_KOVACEVIC_PACHECO.pdf1,67 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.